Análise Google Pixel 8a – o Google Pixel 8 ficou mais barato

A Google chegou ao mercado português em 2023, com a série Pixel 8 e com a gama 7a. Este ano, a empresa continuou presente com o lançamento de mais um smartphone para a gama A.

O Google Pixel 8a é um smartphone mais em conta, no que diz respeito ao valor do mesmo, mas que vem equipado com praticamente todas as funcionalidades do Google Pixel 8.

Google Pixel 8a
Publicidade

Ficando disponível esta semana, o Google Pixel 8a já nos acompanhou no dia a dia e deixamos aqui a nossa opinião sobre o mesmo.

Características gerais do Google Pixel 8a

Com um design muito semelhante ao do irmão mais velho, o Google Pixel 8a segue as mesmas linhas dos modelos de topo, com o módulo da câmara menos sobressaído.

Com o corpo em plástico e alumínio, o smartphone mostra-se leve e compacto, duas características apreciadas por muitos utilizadores. No que diz respeito ao tamanho do dispositivo podemos contar com 152,1 mm x 72,7 mm x 8,9 mm, com um peso total de 188g.

Google Pixel 8a

No que diz respeito ao ecrã do Google Pixel 8a, encontramos o ecrã Actua de 6,1 polegadas, capaz de oferecer uma maior resistência contra riscos. O ecrã oferece uma taxa de atualização de até 120 Hz e um brilho máximo de 2000 nits, contando ainda com a proteção Corning Gorilla Glass 3.

No interior encontramos o mesmo processador utilizado nos equipamentos de topo, o Google Tensor G3 acompanhado pelo coprocessador de segurança Titan M2. O smartphone tem ainda 8GB de RAM e duas variantes de memória interna: 128GB ou 256GB.

De forma a manter tudo alinhado, a Google anunciou que o Google Pixel 8a também vai receber 7 anos de atualizações de SO, de segurança e de lançamentos de funcionalidades, vindo de origem com o Android 14 instalado.

Google Pixel 8a

Na traseira temos o característico módulo horizontal que integra as duas câmaras do smartphone que, neste caso, não sofreram alterações face ao modelo anterior. A câmara principal é de 64MP, com uma abertura f/1,89 e capaz de oferecer zoom de alta resolução até 8x.

Já a câmara ultra grande angular é de 13MP, com uma abertura f/2.2 e integra correção de lente e estabilização de imagem ótica e eletrónica.

Na parte frontal do Google Pixel 8a encontramos o pequeno círculo da câmara de 13MP com uma abertura f/2,2.

Google Pixel 8a

A manter tudo ligado temos então a bateria de 4492 mAh que a empresa promete aguentar mais de 24 horas e que pode chegar até às 72 horas com o modo de Poupança de Bateria Extrema. Conta ainda com carregamento rápido via USB-C e carregamento sem fios.

O Google Pixel 8a tem proteção IP67, podendo assim ser exposto a um pouco de água e alguma poeiras sem problemas maiores. O dispositivo conta com dois altifalantes e 2 microfones.

O novo Google Pixel 8a pode ser adquirido nas cores Obsidiana, Porcelana, Aloe e Azul Baía com o preço a começar nos 559€.

Inteligência artificial semelhante aos topo de gama

O Google Pixel 8a traz para a linha A a Inteligência Artificial da empresa quase na totalidade, ficando com as principais funcionalidades que foram o destaque da gama Pixel 8.

Google Pixel 8a

Excluindo o Vídeo Boost, a funcionalidade para melhorar os vídeos gravados, todas as ferramentas de IA presentes no Google Pixel 8 estão, também, no Google Pixel 8a.

Isto significa que temos presente o editor mágico, a funcionalidade melhor take, a borracha mágica, a remoção do desfoque da foto, real tone, remoção do desfoque de caras, visão noturna, melhor foto, foco automático em movimento, controlos de exposição dupla, HDR+ em direto, Ultra HDR, astrofoto e zoom de alta resolução.

Entre muitas outras funcionalidades comuns aos Google Pixel, o modelo mais baixo promete oferecer aos utilizadores tudo o que a empresa foi lançando nos últimos meses em termos de melhorias para o dia a dia de cada um.

Google Pixel 8a

Contando com o processador Tensor G3, o mesmo utilizado nos dois smartphones topo de gama, o Google Pixel 8a consegue oferecer as mesmas velocidades de processamento e aguentar as tarefas mais exigentes com a mesma rapidez e fluidez que os modelos de topo.

Câmaras eficientes e capazes

A fotografia sempre foi um ponto de destaque na linha Pixel da Google. Com um conjunto de câmaras e processamento de imagem, os resultados finais sempre foram do agrado da maioria dos utilizadores e, como tal, a história repete-se.

O Google Pixel 8a oferece um conjunto duplo de câmaras traseiras que, tal como acontecia já no Pixel 7a, oferecem um resultado final bastante superior ao que esperamos nesta faixa de preço.

Entre as duas câmaras e os vários modos de fotografia, podemos verificar que não existem alterações nas cores finais, o que permite registar os momentos todos dentro do mesmo tom. O equilíbrio de brancos é bem trabalhado, conseguindo lidar com os dias de mais sol sem problemas.

Além disso, o HDR do Google Pixel 8a é bastante bom, conseguindo oferecer um céu muito detalhado mesmo que exista demasiada luz. Os tons podem tornar-se ligeiramente saturados nalgumas situações, mas nada que um pequeno ajuste de cor não consiga resolver.

Tal como acontecia no modelo do ano passado, também este ano podemos encontrar um excelente modo noturno no Pixel 8a. O controlo de luzes e a gestão do grão nas fotografias é bem trabalhado em todos os casos, oferecendo resultados limpos e claros, mesmo em cenários pouco iluminados.

De forma geral, o Google Pixel 8a permite ter acesso a uma câmara de muito boa qualidade que consegue ser melhorada com todo o pós processamento feito pelo smartphone. A estas vantagens podemos ainda contar com os diversos serviços de edição de IA para melhorar, alterar e até mudar completamente o resultado final das fotografias.

Autonomia melhorada

O processador Tensor G3 trouxe à linha A uma gestão de energia ligeiramente mais eficiente que o que era notável no modelo do ano anterior.

Além de se aguentar bastante bem durante todo o dia com uma utilização normal, o Google Pixel 8a consegue aguentar um dia ligeiramente mais intensivo sem problemas.

Google Pixel 8a

Em dias que recorremos um bom bocado ao GPS para conduzir, com a Internet sempre ligada através dos dados móveis, brilho automático, várias chamadas, mensagens e redes sociais e ainda um ou outro jogo para matar o tempo, o smartphone conseguiu sempre chegar ao final do dia com pelo menos 30% (ou mais) de bateria.

Som melhorado

O Google Pixel 8a veio melhorar tudo o que estava em falta no modelo anterior e, de facto, a missão foi cumprida.

Além de todo o design ter ficado mais bem cuidado, o som também sofreu melhorias.

Este ano, o smartphone consegue oferecer um maior controlo dos graves e agudos, controlando muito melhor as distorções que se faziam notar.

Google Pixel 8a
Capa original Google vendida em separado

O som emitido é alto e sem distorções, conseguindo ser um bom acompanhante para alguns momentos de música ou para assistir a vídeos em plataformas de streaming. A experiência multimedia fica assim muito melhor a mais envolvente.

O que estava bom, ficou melhor, mas era necessário?

Não há dúvida alguma que o Google Pixel 8a é uma verdadeira cópia do Google Pixel 8, mas com materiais de construção menos premium e ligeiras limitações no equipamento.

No entanto, face ao Google Pixel 7a, existiu uma boa melhoria assim como foram limadas todas as arestas que estavam em falha. No entanto, era necessário a existência deste smartphone?

Google Pixel 8a

Apesar de todas as melhorias presentes no Google Pixel 8a, existe um fator que o deixa num ponto estranho no mercado. Com um PVPR a iniciar nos 559€, o smartphone está quase ao mesmo preço que o Google Pixel 8 se encontra, por vezes, quando entra em promoção.

Durante a escrita desta análise, foi possível verificar que algumas lojas conseguem vender o Google Pixel 8 por cerca de 600€, o que comparando com os 559€ do Google Pixel 8a deixa de fazer sentido adquirir o modelo mais básico.

No entanto, contando que o modelo de topo deverá sair de mercado após a apresentação dos futuros Google Pixel 9, o Pixel 8a vai poder ganhar o lugar de mercado que merece.

Google Pixel 8a

Este é um smartphone extremamente completo, com um design elegante e bem construído que, apesar de ser plástico, não trespassa a sensação de ser um material mais barato. Além disso, com os 7 anos de atualizações a empresa garante que o investimento dos utilizadores vai ser valorizado por mais tempo.

A nível das câmaras, acreditamos que se tratam das câmaras mais bem trabalhadas desta gama de equipamentos, com os resultados a serem em tudo semelhantes aos do modelo mais de topo.

A autonomia garante um dia de utilização sem problema algum assim como o Tensor G3 garante que qualquer tarefa vai poder ser realizada sem entraves.

Google Pixel 8a

De forma geral, este é um equipamento para quem procura uma alternativa fiável e, para todos os efeitos, mais acessível, sem deixar de parte todos os aspetos exteriores e interiores que garantem uma experiência de utilização de topo aos utilizadores.

O Google Pixel 8a encontra-se à venda por um PVPR de 559€ para a versão de 128GB e a versão de 256GB tem um PVPR de 619€.

compra recomendada techbit

Agradecemos à Google por nos ter disponibilizado o Google Pixel 8a para análise.

Google Pixel 8a

559€
9

Design

9.0/10

Som

9.0/10

Câmaras

9.5/10

Autonomia

9.0/10

Preço

8.5/10

Pros

  • Design mais refinado
  • Autonomia para um dia sem problemas
  • Câmara muito capaz
  • 7 anos de atualizações

Contras

  • Preço semelhante ao do Google Pixel 8 quando em promoção
Participe no passatempo:
nordvpn promocao

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

2 comentários em “Análise Google Pixel 8a – o Google Pixel 8 ficou mais barato”

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory