Análise Samsung Galaxy Z Flip 5 – o dobrável que faz sentido

Num mundo em que os smartphones dobráveis começam a marcar uma grande presença no mercado, o Samsung Galaxy Z Flip 5 é o culminar de vários anos de trabalho da Samsung para entregar aos consumidores um smartphone dobrável que faz todo o sentido.

O aumento do ecrã exterior fez toda a diferença neste novo smartphone e levou o Samsung Galaxy Z Flip 5 a tornar-se muito mais apelativo que as versões anteriores.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)
Publicidade

Características do Samsung Galaxy Z Flip 5

O Samsung Galaxy Z Flip 5 é um equipamento topo de gama que conta ainda com um dos melhores mecanismos de dobra que existe atualmente no mercado dos smartphones.

O processador no interior do equipamento é o Snapdragon 8 Gen 2 for Galaxy, como a empresa colocou em todos os equipamentos topo de gama, com GPU Adreno 740. A nível de RAM contamos com 8GB e a memória interna começa nos 256GB e pode ser adquirido até um máximo de 512GB.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

O ponto principal do Samsung Galaxy Z Flip 5, os dois ecrãs, conjugam-se muito bem para que possamos recorrer ao exterior para um interação rápida e, se necessário, acedermos ao ecrã interior para uma experiência de um smartphone normal.

Do lado de fora encontramos um ecrã de 3.4″, com uma resolução 720 x 748, Super AMOLED. No interior encontramos um ecrã de 6.7″, com uma resolução 2640 x 1080 (FHD+), Dynamic AMOLED 2X e com uma taxa de atualização de 120 Hz.

O corpo é feito de vidro com dois tons, diferenciando bastante bem qual a metade que tem o ecrã exterior, e onde se encontram as duas câmaras principais do Samsung Galaxy Z Flip 5. A principal conta com 12MP e uma abertura f/1.8 com auto focus e OIS. A segunda câmara trata-se de uma ultra grande angular, também de 12MP, com uma abertura f/2.2.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

A câmara frontal é de 10MP com uma abertura f/2.2 que, muito sinceramente, acabamos por nem nos lembrar da sua existência uma vez que temos a possibilidade de recorrer à principal para fotografias com melhor qualidade, mesmo nos casos das selfies.

O Samsung Galaxy Z Flip 5 consegue gravar vídeo até um máximo de resolução 4K a 60fps e consegue fazer gravações em câmara lenta até 960fps em FHD.

O seu tamanho reduzido quando dobrado (85.1 x 71.9 x 15.1 mm) é acompanhado de um peso abaixo do normal, com apenas 187g. Para alimentar todo o equipamento contamos com uma bateria de 3700mAh que, segundo a empresa, chega para um dia de utilização moderada.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

A nível de sensores presentes no Samsung Galaxy Z Flip 5 contamos com Acelerómetro, Barómetro, Leitor de Impressões Digitais, Sensor Giroscópio, Sensor Geo Magnético, Sensor de Posicionamento, Sensor de Luz, Sensor de Proximidade.

Conta com os botões de volume na lateral direita assim como o botão ON/OFF que serve também de leitor de impressões digitais, uma das soluções que se tem verificado que funciona melhor e que se mostra mais rápida que outras formas de desbloqueio do equipamento.

Tem ainda NFC, Bluetooth 5.3, Wi-Fi Direct e tem diversas tecnologias de localização como GPS, Glonass, Beidou, Galileo, QZSS.

O retorno dos telemóveis tipo concha

Apesar de não ser algo propriamente novo, tendo em conta a popularidade que este tipo de smartphones conseguiu ganhar no mercado, o Samsung Galaxy Z Flip 5 poderá ser a versão ideal para definitivamente marcar o regresso dos telemóveis tipo concha.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Isto porque, comparando com as versões anteriores, existe de facto um equilíbrio bem conseguido entre o ecrã exterior e o ecrã interior. Neste modelo conseguimos realizar as funções mais simples sem abrir o smartphone e aceder a todo o potencial do equipamento apenas quando for realmente necessário.

O ecrã exterior mostrou-se muito prático para responder a pequenas mensagens (especialmente via WhatsApp) com uma só mão, pois o Samsung Galaxy Z Flip 5 tem um formato muito confortável para ser utilizado assim.

Da mesma forma que neste ecrã podemos ver a listagem toda das notificações do smartphone, trocar a música que está a ser reproduzida, aceder a informações do tempo, de saúde e ainda ver os planos que temos marcados no calendário.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Como bónus ainda é possível colocar um vídeo a reproduzir no YouTube ou Netflix no ecrã externo do Samsung Galaxy Z Flip 5 que, ao início, achávamos que não faria sentido, mas que acabou por ser uma atividade que realizávamos com alguma frequência.

O facto de poder ficar em pé como uma mini moldura a reproduzir um vídeo apenas “para fazer companhia” foi algo muito valorizado durante o tempo que estivemos com o Samsung Galaxy Z Flip 5, além de que acaba por consumir muito menos bateria do equipamento.

Autonomia para um dia? Depende

O campo da autonomia do Samsung Galaxy Z Flip 5 é muito dúbio. Se num smartphone normal nem sempre os números apresentados pelas marcas correspondem à realidade, neste caso em concreto é ainda mais complicado de explicar.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Efetivamente a Samsung promete um dia de utilização moderada sem problemas o que, segundo os nossos testes, não é de todo mentira. O “problema” é que essa utilização moderada exige que seja também uma utilização muito bem equilibrada entre os dois ecrãs.

Para conseguirmos ter um dia de uso sem problemas com o Samsung Galaxy Z Flip 5 tivemos de nos obrigar a utilizar muito mais vezes o ecrã exterior do que aquelas que queríamos, incluindo para responder a mensagens ligeiramente maiores e que já não se tornava visualmente agradável num ecrã tão pequeno.

No caso de recorrermos ao ecrã exterior para todas as interações que este permite ter, então sim, conseguimos estar um dia inteiro sem carregar o smartphone e com uma utilização moderada.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Se optarmos pela utilização mais comoda e abrirmos o Samsung Galaxy Z Flip 5 sempre que tivermos uma mensagem de três linhas para escrever, se quisermos ver vários vídeos no ecrã maior ou até mesmo responder a todas as interações das redes sociais sem ser pela barra de notificações, aí sim já se torna complicado chegar ao fim do dia com bateria.

A experiência com o Samsung Galaxy Z Flip 5

Apesar de já não ser uma novidade a existência deste tipo de equipamentos no mercado, o Samsung Galaxy Z Flip 5 consegue continuar a chamar a atenção das pessoas sempre que tiramos um pequeno quadrado do bolso que, do nada, se transforma num smartphone normal.

Mas, aspetos à parte, a utilização do Samsung Galaxy Z Flip 5 num dia a dia normal mostrou-se estranhamente agradável. Ao começo é sempre difícil ganharmos o hábito de utilizar o ecrã exterior para algumas atividades mais básicas, no entanto, em pouco tempo, tornou-se instantâneo o uso dos dois ecrãs nos momentos certos.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Para o WhatsApp, mensagens ou mesmo para fazer uma chamada rápida, o ecrã exterior era mais que suficiente, com a vantagem de que não precisávamos de utilizar as duas mãos para conseguirmos interagir com o smartphone.

Quando era uma utilização mais demorada, era só abrir o Samsung Galaxy Z Flip 5 e estava pronto a continuar na mesma aplicação ou então a trabalhar como um smartphone normal.

O novo mecanismo de dobra mostrou-se muito satisfatório de ser utilizado, oferecendo uma resistência boa tanto para abrir como para fechar e oferecendo ao smartphone a possibilidade de ficar fechado sem que existisse um grande espaço entre as duas metade no centro.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Aquele fechar dramático do smartphone para terminar uma chamada é sempre um momento bastante nostálgico por muitas vezes que aconteça. Uma só mão é mais que suficiente para o fechar, no entanto, para abrir, já não se consegue tão facilmente e será necessários usar as duas mãos para o fazer de forma natural e cómoda.

A nível de performance não houve qualquer problema com o Samsung Galaxy Z Flip 5. Todos os jogos correram na perfeição e as tarefas do dia a dia nunca tiveram problemas em serem executadas.

Um ponto ligeiramente estranho que reparámos é que, quando utilizado por longos períodos com alguma atividade mais puxada, o smartphone aquecia um pouco na parte de cima, junto à zona das câmaras.

Câmaras

À semelhança do que aconteceu com o Samsung Galaxy Z Fold 5, as câmaras foram um departamento que nos deixou num misto de sensações. Se a principal é muito boa e ao nível que estamos habituados na Samsung, a ultra grande angular tem o mesmo problema que o irmão de maiores dimensões: as cores não se mantém fiéis à realidade quando num ambiente mais ecuro.

Este é um ponto que não conseguimos entender porque acontece uma vez que em diversos outros equipamentos da marca, mesmo de gamas mais baixas, a consistência entre as câmaras não costuma falhar. No caso da gama Z parece que existe um “desleixo” na segunda câmara que deixa os resultados finais com tons mais rosa.

Nos restantes cenários, onde a iluminação não é um problema, a câmara principal portou-se lindamente conseguindo obter resultados muito bons e com cores e contrastes bastante equilibrados.

O modo retrato funciona lindamente e o facto de podermos utilizar o ecrã exterior para tirar fotos dá imenso jeito. Como se trata de um formato mais pequeno na gama dos dobráveis, tirar uma selfie é muito fácil com o Samsung Galaxy Z Flip 5 recorrendo à câmara traseira. Com uma só mão, conseguimos tirar a foto sem qualquer dificuldade de manuseamento do equipamento.

ALgo que sentimos falta no Samsung Galaxy Z Flip 5 é uma terceira câmara de zoom, que apesar de pouco utilizada, em alguns cenários poderia ter feito toda a diferença.

Apesar de não serem o melhor conjunto de câmaras da Samsung, o Samsung Galaxy Z Flip 5 não deixa de ter uma excelente câmara principal que vai conseguir fazer um trabalho muito bem equilibrado em diversos cenários. No entanto, para quem quiser utilizar o smartphone maioritariamente para este campo, ir para a linha S da empresa poderá ser uma melhor opção de momento.

Conclusões

Apesar do formato estar, agora sim, num ponto em que podemos chamar de ideal para aquilo que o mercado oferece neste momento, o Samsung Galaxy Z Flip 5 mostrou-se um smartphone ideal apenas para algumas pessoas.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

Existe ainda um grande espaço para melhorias no que diz respeito à autonomia do equipamento, que mal se aguenta durante um dia inteiro se não tivermos bastante atenção ao tipo de utilização que lhe damos, assim como as câmaras continuam a não estar à altura da gama em que os dobráveis se inserem.

No entanto, em tudo o resto, o Samsung Galaxy Z Flip 5 mostrou ser o modelo da gama Flip mais bem conseguido até ao momento. O mecanismo de dobra está melhorado e parece mais resistente e duradouro, assim como também permite ter uma abertura e fecho do equipamento mais suaves.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

As funcionalidades exclusivas destes equipamentos dobráveis também são algo que ajuda bastante, para podermos tirar uma foto à distância ou ver um vídeo sem termos de procurar um apoio extra. Basta dobrar o Samsung Galaxy Z Flip 5 ao meio e está adaptado para estas funções.

Em aplicações que não estejam adaptadas ao modo dobrado, o que acontece é que a zona de baixo torna-se um touchpad para podermos controlar um pequeno rato no ecrã superior. Algo que consideramos pouco relevante, mas que poderá ser interessante para algumas pessoas.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

A nível de performance não temos nada a apontar e mesmo em termos de conforto de utilização o Samsung Galaxy Z Flip 5 mostrou-se bastante bem construído para ter uma utilização confortável. O único ponto menos positivo neste campo é mesmo o aquecimento sentido por diversas vezes na parte superior do equipamento quando utilizado por longos período ou com aplicações mais exigentes.

Na nossa opinião, este é o formato dobrável que faz mais sentido, pois temos um smartphone normal que pode ser dobrado ao meio para levar em qualquer bolso ou mesmo nas carteiras das senhoras.

Samsung Galaxy Z Flip 5 (21)

O Samsung Galaxy Z Flip 5 encontra-se à venda por um PVPR que começa nos 1249.90€.

Compra recomendada Techbit 2023

Agradecemos à Samsung por nos disponibilizar o Samsung Galaxy Z Flip 5 para testes.

Samsung Galaxy Z Flip 5

1249.90€
9

Design

10.0/10

Performance

9.5/10

Câmaras

7.5/10

Autonomia

8.5/10

Construção

9.5/10

Pros

  • Design muito bem conseguido e elegante
  • Confortável de ser utilizado nos dois modos

Contras

  • Autonomia
  • Câmara ultra grande angular
Participe no passatempo:
giveaway tribit stormbox micro 2

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory

Participe nos nossos giveaway de 4º aniversário

X