Cinco razões pelas quais o TikTok é um pesadelo de privacidade

O TikTok é conhecido por recolher quantidades notórias de dados do utilizador e pela sua incapacidade de manter esses dados privados.

Conheça algumas das razões porque o TikTok é tão contestado por governos e entidades oficiais.

tiktok smartphone
Publicidade

Saiba porque é que a privacidade é um pesadelo no TikTok

Em dezembro de 2022, várias agências governamentais dos EUA começaram a proibir o TikTok nos dispositivos dos seus funcionários. A app, criada pela empresa chinesa ByteDance, tem estado no radar das autoridades americanas há muito tempo devido aos seus inúmeros problemas relacionados com a privacidade.

Mais recentemente, em fevereiro de 2023, foi a vez da Comissão Europeia e do Conselho da União, em Bruxelas, adotarem a mesma medida relativamente aos seus funcionários.

 “Atualmente, cerca de 3,24 milhões de portugueses usam o TikTok, e a sua popularidade cresce diariamente. Estes números mostram que são poucos os que percebem os riscos que esta rede social traz para os dados dos seus utilizadores, incluindo rastreamento intrusivo e uma possível conexão ao governo chinês”, diz Adrianus Warmenhoven, consultor de cibersegurança da NordVPN.

Abaixo, o perito explica como o TikTok compromete a privacidade dos seus utilizadores.

tiktok techbit tiktok music

Algoritmo orientado por dados e rastreamento intrusivo

Uma razão para o sucesso da app é que ela pode fornecer aos utilizadores conteúdo altamente individualizado. Cada utilizador tem o seu próprio feed exclusivo baseado nos seus interesses e preferências. Mas por trás dessa abordagem individual está a prática de recolher grandes quantidades de dados do utilizador dentro e fora da aplicação.

Assim que o utilizador começa a usar o TikTok, a empresa começa a construir um perfil sobre ele, incluindo os seus interesses, tendências políticas, sexualidade e todas as outras variáveis que podem afetar a seleção dos vídeos a que ele assiste. O TikTok também recolhe informações sobre os padrões de pressionamento das teclas, informações de localização, histórico do browser e até informações biométricas (impressão facial e de voz) dos utilizadores.

O problema de tudo isto não é só o facto de uma grande empresa ter informações tão detalhadas sobre os seus utilizadores e poder mais tarde usá-las para fins de marketing. É também a possibilidade de ser necessária apenas uma violação de dados para que essas informações caiam nas mãos erradas. Os hackers estão ansiosos para roubar dados valiosos de empresas online e usá-las depois para os seus próprios fins maliciosos.

Desrespeito pelos direitos de privacidade dos jornalistas

No final de dezembro de 2022, a Reuters informou que a ByteDance, a empresa responsável pelo TikTok, despediu quatro funcionários por terem obtido dados de dois jornalistas americanos. Isto aconteceu durante a investigação mal sucedida do TikTok sobre violações de dados que aconteceram com a empresa no ano passado.

Embora o TikTok tenha despedido os funcionários, o facto de eles terem conseguido obter tais informações demonstra a falta de segurança dos dados na empresa. Além disso, mostrou que a empresa não deixa anónimos os endereços IP, localizações e histórico de navegação. Tal significa que tudo que uma pessoa faz na app é diretamente vinculado ao endereço IP do utilizador. Manter as informações de navegação privadas é importante para todos os utilizadores, especialmente para grupos vulneráveis como ativistas, jornalistas ou políticos.

tiktok

Browser na app do TikTok

O TikTok usa um browser integrado na própria app. Isto significa que quando os utilizadores tentam navegar fora do TikTok através de um anúncio ou link na bio, eles na verdade permanecem na aplicação. Em vez de mudar para o Chrome ou Safari, os utilizadores veem as páginas através do próprio navegador do TikTok.

O navegador interno permite à empresa monitorizar o comportamento em sites e páginas que um utilizador pode assumir não estar ao alcance do TikTok. Este tipo de monitorização é outra área em que os utilizadores podem acabar por expor mais informações pessoais do que pretendem.

ByteDance e o Partido Comunista Chinês (PCC)

O TikTok é propriedade da ByteDance, uma empresa com sede na China. De acordo com a lei chinesa, é necessário partilhar os dados de utilizadores com as autoridades, caso tal lhe seja solicitado.

O TikTok também é, compreensivelmente, incentivado a permanecer alinhado com a política do Partido Comunista Chinês, que alguns dizem ter levado a empresa a suprimir vídeos que discutiam abusos aos direitos humanos contra muçulmanos uigures na província chinesa de Xinjiang.

Embora seja difícil validar a posição do TikTok sobre estes assuntos, o facto de a ByteDance trabalhar sob a autoridade do PCC deve levantar preocupações sobre a privacidade do utilizador.

tiktok governo chines

Configurações de privacidade

Ao criarem uma conta no TikTok, os utilizadores concordam que os seus dados sejam recolhidos e usados para publicidade direcionada. Se um utilizador não quiser anúncios personalizados, pode desativá-los nas configurações. Esta é uma das duas configurações de privacidade que o TikTok permite. A segunda deixa que os utilizadores tornem as suas contas privadas.

À parte do mencionado, a política de privacidade do TikTok permite que a app recolha todo o tipo de informações sobre o seu utilizador sem a possibilidade de desativação.

nordvpn

Existe alguma hipótese de permanecer privado no TikTok?

“Infelizmente, a única forma de impedir que o TikTok recolha os seus dados é parar de usar a app. No entanto, existem maneiras de manter a sua conta um pouco mais privada”, diz Adrianus Warmenhoven, consultor de cibersegurança da NordVPN.

  1. Configure o seu perfil como privado. Você pode à mesma aproveitar todo o conteúdo que o TikTok tem para oferecer sem tornar o seu próprio perfil público. Verifique as suas configurações de privacidade e certifique-se que apenas pessoas que você conhece e nas quais confia podem ver os seus conteúdos. Fazer isto reduz a probabilidade de roubo de identidade e torna mais difícil para os vigaristas entrarem em contacto consigo.
  1. Não publique conteúdo de identificação pessoal. Ao carregar vídeos, certifique-se que estes não incluem imagens da sua casa e da vizinhança, vistas das suas janelas ou outro conteúdo que possa ser usado para triangular a sua localização. Tente limitar o quanto publica sobre o seu trabalho, família e outros contactos pessoais. Quantas mais informações tornar públicas, mais fácil é para os hackers roubar a sua identidade e usá-la para lançar ataques de phishing contra outras pessoas.

Use a Proteção Contra Ameaças. A funcionalidade Proteção Contra Ameaças da NordVPN bloqueia anúncios, rastreadores e sites maliciosos que você pode encontrar ao navegar na internet. Esta ferramenta vai impedir que os rastreadores do TikTok o sigam no seu browser. Mesmo que a sua atividade na app e no navegador integrado na app ainda seja rastreada, tudo o que fizer fora dela será mantido privado.

minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory