EUA ponderam restringir venda de chips de inteligência artificial a empresas chinesas

Depois de impor restrições na compra de processadores com capacidade 5G à Huawei, o Governo Americano poderá estar a estudar novas limitações a empresas americanas.

A venda de chips de inteligência artificial poderá ser restringida a empresas chinesas.

america trump vs china
Publicidade

Estados Unidos poderão restringir venda de tecnologia de inteligência artificial a empresas chinesas

A guerra comercial entre os Estados Unidos e a China não é novidade, mas poderá viver um novo episódio muito em breve.

Segundo um especialista de Wall Street, o governo americano poderá estar a estudar a possibilidade de restringir a venda de processadores com capacidade de inteligência artificial às empresas chinesas.

Esta limitação poderia ter como objetivo abrandar e evolução da China nesta tecnologia crescente, especialmente nas áreas de aplicação militar da inteligência artificial.

amd logo

Caso se confirme, esta restrição junta-se a outras já impostas pelo governo americano como os equipamentos para fabricar chips mais avançados e os circuitos A100 e H100 da Nvidia capazes de aguentar cargas profundas de inteligência artificial generativa.

Caso esta estratégia avançasse, esta poderia representar um problema para as empresas chinesas. Primeiro, perderiam um grande número de clientes importantes, tendo em conta que a China representa 25 a 30% das vendas da AMD e da Nvidia.

Por outro lado, poderia levar a retaliações da parte chinesa que poderiam impor também restrições a produtos essenciais para as empresas americanas.

Participe no passatempo:
passatempo xiaomi smart band 8

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory