fbpx

Huawei poderá começar a produzir os seus próprios processadores

Depois de Trump bloquear a relação comercial entre as empresas americanas e a Huawei, voltou à carga para limitar também as empresas estrangeiras que usassem tecnologia americana.

Esta decisão impediu a TSMC de continuar a produzir os processadores Kirin para a Huawei, impossibilitando assim a marca chinesa de desenvolver os seus próprios SoC.

Depois de tentar procurar uma alternativa, sem sucesso, a marca chinesa abandonou os processadores Kirin e começou a procurar soluções alternativas, como é o caso dos processadores da Mediatek.

No entanto, um novo rumor indica agora que a Huawei poderá estar a planear passar a produzir os processadores.

huawei kirin
Publicidade

Huawei poderá produzir os seus processadores Kirin

Depois de perder o parceiro para fabrico dos seus processadores Kirin, o futuro da Huawei poderá passar por desenvolver esta competência internamente.

Esta é pelo menos a notícia avançada pela RT News, que afirma que a marca está a preparar-se para começar a produzir os seus próprios processadores e assim fazer concorrência à TSMC, Samsung, entre outras.

Desta forma, conseguirá eliminar toda a necessidade de tecnologia americana neste processo e manter o desenvolvimento dos seus Kirin.

kirin huawei

Ao que tudo indica, a empresa chinesa poderá iniciar a produção dos seus processadores ainda no final deste ano de forma a repor os stocks dos seus chips e iniciar o desenvolvimento de novos processadores que ficou, entretanto, em stand-by.

Caso se confirmem estes planos, a Huawei reforça assim a intenção do governo chinês em desenvolver competências nacionais e reduzir a dependência estrangeira, algo em que a China já tem investido nos últimos tempos com o recrutamento de vários engenheiros especialistas nesta área.

Siga o Techbit no Facebook

Partilhe este artigo

1 comentário em “Huawei poderá começar a produzir os seus próprios processadores”

Deixe um comentário

Publicidade