fbpx

Kirin 1000 poderá ser apresentado dia 5 de setembro

Depois da TSMC ficar impedida de produzir processadores para a Huawei, devido às restrições impostas por Trump, surgiu a dúvida sobre a possibilidade da Huawei não conseguir produzir uma quantidade suficiente dos seus novos processadores de topo.

No entanto, tendo em conta que a marca chinesa já tinha feito uma grande encomenda dos seus novos SoCs, tudo parece estar controlado para a Huawei.

Agora, uma fonte vem confirmar que a marca chinesa vai apresentar o seu novo SoC, o Kirin 1000, no dia 5 de setembro.

huawei kirin
Publicidade

Kirin 1000 chegará ao mercado em setembro e poderá só ser usado na China

O utilizador do Twitter Rodent950 revelou recentemente uma informação de uma das suas fontes que lhe confirmou que o Kirin 1000 será apresentado no dia 5 de setembro e que a Huawei dispõe de um stock considerável.

Com este lançamento, a Huawei abre assim portas à apresentação da série Mate 40, um modelo que irá sofrer com as várias restrições que a marca enfrenta.

Além de não trazer os serviços da Google, como tem sido habitual nos últimos equipamentos, existe também o rumor de que o Kirin 1000 irá ser apenas usado na China, sendo as versões globais equipadas com outro ou outros processadores ainda não revelados, embora se espere que seja o Kirin 1020.

No entanto, a Huawei confirmou que este será o último smartphone da marca a vir com processador Kirin.

A mesma fonte publicou também uma imagem onde mostra a silhueta do suposto novo Huawei Mate 40 e onde podemos observar um ecrã curvo com uma moldura bastante fina.

huawei mate 40

A Huawei procura assim, por entre os obstáculos, manter os planos que tinha definido para este ano, mesmo que para isso seja obrigada a algumas adaptações, como é o caso do desenvolvimento dos próprios serviços e da utilização de processadores Mediatek.

Acompanhe as nossas notícias aqui

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Publicidade