Criação de novas baterias autorregenrativas já arrancou na Europa

Já arrancou o projeto europeu que nos próximos quatro anos irá desenvolver uma nova geração de baterias autorregeneráveis mais sustentáveis, através da colaboração de dez parceiros de seis diferentes países e um investimento de 5,8 milhões de euros de fundos comunitários, ao abrigo do programa Horizonte Europa.

A FI Group Portugal, consultora global que é líder especializada na assessoria a empresas na gestão do financiamento de investigação, desenvolvimento e inovação, participou no início dos trabalhos e ficará responsável pela comunicação do projeto denominado Healing Bat.

baterias pilhas battery charge
Publicidade

Baterias autorregenrativas vão ser mais sustentáveis e com maior tempo útil de vida

Segundo avançou o Diretor de Estratégia do Departamento de Subvenções Internacionais da FI Group, Jon Etxaniz, “o desenvolvimento destas novas baterias é estratégico para a investigação e o mercado europeus”, dada a necessidade de a União Europeia se posicionar neste competitivo mercado internacional.

“O trabalho realizado pela FI Group tornou possível o financiamento deste projeto, e iremos agora contribuir para a divulgação dos seus resultados, aumentando assim o seu impacto e, consequentemente, a sua futura implementação na indústria”, continuou o Diretor.

bateria carga charge battery

O novo modelo desenvolvido pelo projeto Healing Bat vai exigir menos recursos, permitindo assim ao espaço comunitário solidificar a sua posição no mercado internacional.

A investigação vai ser baseada nas baterias convencionais de lítio-enxofre, que utilizam componentes autorregeneradoras para prolongarem o tempo útil de vida e garantir um funcionamento mais ecológico. Esta iniciativa irá ainda criar um conjunto de ferramentas constituído por sensores e materiais autorregeneráveis, que vão permitir uma análise do fluxo de energia de e para o sistema.

Esta gestão personalizada dará ao utilizador a capacidade de maximizar o desempenho de cada unidade em termos de qualidade, fiabilidade e tempo de vida.

BATERIAS SMARTPHONE

Para além de uma maior expectativa de vida e de custos de produção mais reduzidos, este novo tipo de baterias irá também responder a um dos principais problemas associados às baterias de iões de lítio, que atualmente dominam o mercado das baterias recarregáveis.

Tendo sido criado nos anos 60, este modelo de baterias está a aproximar-se do limite de aperfeiçoamento e desenvolvimento científico, sendo improvável que o desempenho e fabrico das baterias de iões de lítio continue a melhorar a um ritmo capaz de contribuir para uma sociedade com impacto neutro no clima.

vardan papikyan r8e0PHAfXvg unsplash baterias

Além da FI Group Portugal, integram a coordenação deste projeto universidades europeias, centros de investigação e empresas inovadoras, que se reuniram a 1 e 2 de junho para dar início aos trabalhos.

A aposta da União Europeia em baterias autorregeneráveis é um passo crucial para dar resposta ao alerta lançado pelo Tribunal de Contas Europeu, que, no mês de junho, concluiu que os 27 podem ficar para trás enquanto potência mundial no mercado das baterias recarregáveis.

auguras pipiras cOf8i4jjFBc unsplash baterias

Segundo o relatório publicado pelo órgão europeu, o espaço comunitário tem vindo a perder competitividade devido ao aumento dos custos da energia e das matérias primas para a produção de baterias. Estes problemas podem agora vir a encontrar resposta no desenvolvimento de uma nova geração de baterias, que sejam mais duradouras e que se baseiem em matérias-primas mais sustentáveis e baratas para
a produção industrial.

Participe no passatempo:
passatempo xiaomi smart band 8

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory