Panasonic deixa de produzir discos Blue-ray “virgens” para gravação

Assistimos atualmente a um grande crescimento das soluções de armazenamento da cloud, em detrimento das soluções físicas.

Com o mercado cada vez mais curto, a Panasonic decidiu abandonar a produção de discos Blue-ray virgens destinados a gravação.

blue-ray
Publicidade

Panasonic já não irá produzir mais discos Blue-ray

Com os formatos físicos de armazenamento a caírem em desuso, as fabricantes começam a avaliar os custos do seu fabrico.

Com a procura deste tipo de produto em mínimos, a Panasonic anunciou que deixará de produzir discos Blue-ray “virgens”, ou seja, vazios e destinados à gravação, a partir de fevereiro.

panasonic

No total comercializou 330 milhões destes discos, tendo as vendas caído a pique nos últimos anos.

Por agora, a marca irá manter apenas a produção de discos “apenas de leitura” para dar suporte ao mercado de filmes, músicas e outro tipo de conteúdos vendidos de forma física. Além disso, irá também manter a produção de CD e DVD, formatos que ainda têm vendas relevantes nos dias de hoje, além de leitores e gravadores de Blue-ray.

Depois da Samsung ter abandonado a produção dos Blue-ray em 2019, a Sony será a única marca que manterá, por agora, produção destes discos.

minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory