Resumo do primeiro dia da Web Summit 2022

O Tech Bit esteve presente no primeiro dia da Web Summit 2022 e deixa-lhe aqui um resumo de tudo o que se passou e falou em pleno Parque das Nações no arranque de mais uma edição de um dos maiores eventos de tecnologia.

Entre a presença de grandes empresas como a Apple e problemas técnicos que levaram a um susto tanto para o público como para os responsáveis pelo evento, o arranque da Web Summit 2022 foi um dia cheio de emoções.

IMG 2012 Web Summit 2022
Publicidade

O começo habitual da Web Summit 2022, mas com um problema técnico

Para começar e, como tem vindo a ser hábito em edições passadas, o primeiro dia da Web Summit 2022 abriu com a introdução de algumas startups promissoras que tiveram direito ao seu destaque no palco principal.

Foi no decorrer das apresentações das startups que a Altice Arena apanhou então um susto em grande quando, devido a um problema técnico, a câmara suspensa que costumas voar por cima do público para fazer algumas das imagens transmitidas, embateu numa das colunas suspensas quase caiu em cima de uma zona da plateia.

web summit 2022

O susto ainda foi grande, mas ninguém saiu magoado do incidente. No entanto, esta situação gerou um atraso de cerca de 50 minutos face ao que estava programado, com Paddy Cosgrave, CEO da Web Summit, a vir a palco mais cedo que o planeado para pedir desculpas a todos os presentes e para solicitar que se mantivessem nos lugares que brevemente se iria retomar a agenda.

Os portugueses em palco

E assim foi, com um ligeiro atraso mas a Web Summit 2022 continuou o programa como esperado. Com o fim das apresentações das startups, Paddy Cosgrave retorna ao palco para felicitar o povo brasileiro pelo novo presidente, Lula da Silva, levando a alguns aplausos por parte do público.

O CEO do evento aproveitou também para introduzir o tópico que mais tarde iria ser alvo do maior aplauso do primeiro dia, a guerra atual entre a Ucrânia e a Rússia, e ainda para introduzir Carlos Moedas, Presidente da Câmara Municipal de Lisboa.

Carlos Moedas que já tinha estado na edição de 2021, retorna agora para a Web Summit 2022 com um discurso dirigido a quem não acreditava, mas também aqueles que acreditavam, que Lisboa podia ser uma cidade “onde o impossível se torna possível”, como referiu no seu discurso.

Moedas referia-se à Fábrica de Unicórnios apresentada há 1 ano naquele mesmo palco, e tornada realidade no passado dia 27 de outubro de 2022. O Presidente da Câmara de Lisboa aproveitou o seu tempo em palco para ainda referir que neste ano que passou entre edições, 8 unicórnios abriram escritórios da capital.

web summit 2022

Logo de seguida, na companhia de Paddy Cosgrave e Carlos Moedas, foi a palco António Costa Silva, Ministro da Economia e do Mar, para destacar a importância de combatermos as alterações climáticas e qual o papel da tecnologia nessa mesma luta.

O Ministro aproveitou o tempo no palco central da Web Summit 2022 para assinalar o feito de que 65% da energia do país provém de origens renováveis, indicando que “somos um dos países que mais rapidamente está a fazer a transição”.

O Governo vai aproveitar ainda a Web Summit 2022 para alguns anúncios, mais propriamente o lançamento da Agência Europeia para Startups que terá a sua sede em Lisboa. ALém disso vai ainda haver uma revisão da lei de startups que, no futuro, o Ministro acredita que Portugal terá leis mais favoráveis às mesmas.

web summit 2022

“A tecnologia pode ajudar a resolver os problemas que enfrentamos”, afirmou António Costa e Silva. “Sem isso não conseguiremos lutar contra as alterações climáticas”, conclui.

Changpeng Zhao, Co-fundador e CEO da Binance

O primeiro entrevistado no palco central da Web Summit 2022 foi Changpeng Zhao, Co-fundador e CEO da Binance, o homem que terá investido 500 milhões de dólares no negócio que envolve a compra do Twitter por Elon Musk.

No palco da Web Summit, Zhao garantiu que esse investimento foi feito apenas com o interesse de preservar a liberdade de expressão e que confia plenamente nas ideias “impossíveis de prever” de Elon Musk.

IMG 2078 Web Summit 2022

Katie Prescott, editora do The Times, dirigiu esta conversa no palco central, abordando a temática de como as criptomoedas foram evoluindo e se tornaram algo gigantesco, mas sem nunca esquecer que estava perante o homem que decidiu apoiar a compra do Twitter por Elon Musk.

Recentemente, Musk anunciou que iria começar a cobrar um valor mensal pela verificação de contas na plataforma Twitter, uma decisão que Zhao diz apoiar, não se mostrando preocupado com a rentabilidade do negócio a curto-prazo mas sim do seu “potencial a longo prazo”, como referiu em resposta a Katie Prescott.

A conversa deu ainda para falar do mercado das criptomoedas que teve uma queda no valor dos ativos no primeiro semestre do ano, continuando a descer desde abril. O CEO da Binance mostrou-se confiante de que este mercado continua a ser estável tendo por base o histórico da Bitcoin desde 2014, que apesar de várias quebras, o preço tem vindo sempre a aumentar.

Apple e a sustentabilidade liderada pelos mais jovens

Lisa Jackson, vice-presidente da área de sustentabilidade da tecnológica Apple, pisou o palco central da Web Summit 2022 no dia de abertura, acompanhada por Misan Harriman, fundador do Southbank Centre, onde os dois estiveram à conversa sobre a necessidade de intervir no combate à emergência climática e abordando ainda a temática da luta Black Lives Matter.

“Tal como tu estou cansada que as empresas nos digam o que vão fazer, mas que quando se faz um inventário se percebe que está pouca coisa a acontecer”, lamentou a vice-presidente da Apple.

Lisa explicou que a Apple está a desenvolver um programa de responsabilidade social na Índia, pois a vice-presidente acredita que “parte do trabalho tem de ser feito a nível local”. Aproveitando o tempo no palco da Web Summit 2022, Lisa Jackson pediu a ajuda das gerações mais jovens nesta luta, pois acredita que estas são as gerações que podem realmente fazer a diferença, não se recordando de “uma revolução que não tenha sido liderada pelos mais jovens”.

Misan Harriman, que recentemente foi nomeado embaixador da organização Save The Children, tirou partido do seu tempo na Web Summit 2022 para apelar que todos utilizem a sua voz para alertar sobre os 1,8 milhões de crianças que estão atualmente a passar fome. “Há 1,8 milhões de crianças abaixo de 5 anos estão no limiar da fome. Não víamos estes números há 40, 50 anos”, alertou.

Olena Zelenska no palco da Web Summit 2022

Olena Zelenska, primeira-dama ucraniana, marcou presença como sendo a última oradora do dia no palco central da Web Summit 2022.

web summit 2022

A primeira-dama foi recebida com um caloroso aplauso que deu início ao seu discurso sobre a situação atual que se vive na Ucrânia desde que se iniciaram os ataques por parte da Rússia.

Olena relatou o horror que se tem vivido apelando especialmente aos casos das crianças que deixaram de ter a escola e as atividades extra – curriculares para passarem a ser encaminhadas para abrigos.

A primeira-dama relatou que, no que diz respeito à tecnologia “sou uma mera utilizadora”, no entanto recorreu às redes sociais para exemplificar o que se tem vivido. “Imaginem que deixam de ver atualizações daquela pessoa nas redes socias… e depois começam a aparecer as fotos a preto e branco”, relata Olena Zelenska como exemplo do que se tem vivido pelas terras ucranianas.

Olena não consegue acreditar que “em pleno 2022 as crianças se estão a esconder de bombas”. Foi neste momento que a primeira-dama apresentou um vídeo de várias crianças a cantar e dançar ao som da música vencedora da Eurovisão 2022, com o título Stefania.

web summit 2022

Aquele que podia ser um vídeo animador, mostrou um cenário em que um grande grupo de crianças se encontrava dentro de um abrigo e onde os adultos tentavam que estas se distraíssem da realidade que se vivia fora daquele esconderijo. “Não consigo acreditar que crianças estão em caves”, conclui Olena Zelenska.

A primeira-dama da Ucrânia relatou que atualmente os investimentos na tecnologia, infelizmente, não podem ser para as escolas mas sim para os geradores uma vez que toda a energia do país se encontra sob constante ataque por parte da Rússia que tenta a todo o custo apoderar-se das terras ucranianas.

Olena Zelenska terminou o seu discurso pedindo novamente que todos continuem a ajudar a Ucrânia como têm feito recorrendo a todo o tipo de tecnologia para divulgar o que se vai passando por lá, mantendo o contacto com todos e ajudando a divulgar formas de contribuir.

A primeira-ministra foi então saudada com o maior aplauso do dia que fez toda a Altice Arena levantar-se das cadeiras mostrando todo o apoio possível presente dentro do espaço onde decorre a Web Summit 2022, levando assim ao final da sessão de abertura.

web summit 2022
minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory