fbpx

Samsung poderá produzir processadores Exynos para computadores Windows

A Samsung começou a desenvolver e produzir os processadores para os seus equipamentos há algum tempo.

Estes são utilizados na grande maioria dos seus equipamentos e chegam já a outras marcas, como a Vivo, que estabeleceu uma parceria com a marca coreana para os utilizar nos seus smartphones.

Se esta pode ser uma boa estratégia para controlar a evolução do SoC e entregar algo diferenciador, a verdade é que os Exynos têm falhado um pouco nessa tarefa.

Alguns fãs da marca têm contestado a qualidade deste processador, visto que apresenta um desempenho inferior às soluções da Apple e da Qualcomm (neste último caso, até equipam os topos de gama da Samsung em alguns mercados), tendo até já existido uma petição para que a Samsung abandonasse a sua utilização.

No entanto, a aposta nos Exynos continua forte, havendo até a hipótese de ser usado globalmente, podendo agora dar o salto para os processadores ARM para Windows.

samsung exynos
Publicidade

Samsung procura entrar no mercado dos processadores ARM para computadores com os seus Exynos

Estes tipos de processadores não são novidade, mas começam a ganhar agora mais força. A Microsoft está a tentar lançar a sua segunda tentativa de sistema operativo baseado nesta arquitetura e a Apple anunciou já que vai passar a utilizar os seus próprios processadores Apple Silicon, com arquitetura ARM.

Agora, a Samsung pretende começar a lançar as suas soluções para este mercado. Embora houvesse a ideia de construir um processador para PC com base no Exynos 990, a marca coreana parece não confiar totalmente no seu desempenho, devendo optar por começar estes desenvolvimentos com o novo Exynos 1000.

Este processador deverá ter como nome Exynos 1 e será fabricado com um processo EUV de 5nm. Além disso, deverá contar com o novo núcleo Cortex-X1 CPU que foi apresentado recentemente e, existe a hipótese de trazer a nova GPU Radeon que está a ser desenvolvida com a AMD.

Não se sabe ainda quando é que este novo SoC poderá ver a luz do dia, mas, quando sair, deverá equipar num ultrabook idêntico ao Samsung Book S.

Quer ganhar uma Mi Band 5? Carregue aqui

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Publicidade