Terão as plataformas de streaming acabado com a TV tradicional?

Muito ainda se fala da importância da televisão e do seu impacto no dia a dia de milhares de pessoas. Mas, não há como negar que esse canal de comunicação perde cada vez mais terreno para as plataformas de streaming.

televisao tradicional
Publicidade

O aparecimento da televisão foi um marco histórico, mas a entrada na era digital e o avanço tecnológico mudaram o jogo. Antes o espetador assistia aos conteúdos que lhe eram oferecidos, atualmente, é o consumidor que escolhe o que quer ver e, o mais importante, quando quer ver. Além disso, tanto as redes sociais, como as plataformas de streaming conseguem oferecer conteúdos para praticamente todos os nichos de mercado, algo que a TV tradicional não consegue igualar, mesmo com os diversos canais temáticos existentes atualmente.

Canais temáticos foram substituídos por plataformas de streaming

O aparecimento de canais televisivos temáticos, marcou uma revolução significativa na televisão convencional. Passou a ser possível ter acesso a canais dedicados a temas específicos, como desporto, filmes, séries, ou notícias. Tornando-se mais fácil direcionar conteúdo a um público-alvo específico, que viria assim os seus conteúdos preferidos transmitidos em maior quantidade e diversidade.

Ainda assim, esses canais não permitiam que os espetadores pudessem escolher exatamente o que desejavam ver, algo que foi completamente alterado após o aparecimento das plataformas de streaming.

Serviços de subscrição, como a Netflix, passaram a oferecer um catálogo imenso de filmes e séries, divididas por categorias, com a particularidade de poder classificar cada conteúdo de modo que o algoritmo sugira as produções que melhor se adequam as preferências de cada utilizador.

netflix

Em outro nicho de mercado, a plataforma de streaming Twitch, inicialmente dedicada ao segmento gaming, passou a explorar outros setores, ampliando a oferta, em especial, com streamers que oferecem conteúdos além dos videojogos, dessa forma, cada público pode encontrar o tema que deseja, sem ter que sair da plataforma.  Isto permitiu que nichos até então considerados “alternativos” passassem a ter palco, com a grande diferenciação da possibilidade de interação direta com o público-alvo.

É bastante interessante observar que esta plataforma revolucionou completamente como se passou a consumir conteúdo direcionado ao desporto. Luís Perfeito, com 20 anos ligado ao futebol federado e que teria, provavelmente, um lugar enquanto comentador desportivo na TV, usa o seu conhecimento para fazer análises da modalidade no seu canal Twitch, contando com uma audiência considerável.

Outra modalidade, o poker, com uma popularidade impulsionada na TV, principalmente a variante de Texas Hold’em, a mais popular, que passou a ter um espaço considerável na Twitch, não só com canais das plataformas mais reconhecidas mundialmente, como inclusive jogadores associados a essas plataformas como Rafael Moraes, que possuem os seus próprios canais oferecendo a possibilidade aos fãs de acompanhar o seu percurso e, inclusive, aprenderem com as suas dicas.  São inúmeros os exemplos e transversais a diversos nichos de mercado. A Twitch oferecendo a qualquer criador de conteúdo encontrar exatamente a sua audiência, detona facilmente a TV tradicional considerada no passado como uma verdadeira inovação.

twitch

Fará a televisão parte do futuro?

São várias as emissoras de renome como a BBC que acreditam que o futuro passará apenas pelos serviços online, principalmente pela oportunidade de oferecer aos seus consumidores possibilidades infinitas. Por outro lado, existe ainda alguma programação que continua a ter um peso substancial na TV tradicional, como jogos de futebol, ou dos noticiários em horário nobre, com valores de audiência elevados e que mostram que pelo menos para uma fatia do público, a televisão tradicional é ainda bastante importante.

No entanto, a TV tradicional não se sustentará apenas com dois ou três programas de sucesso, sendo mais cedo ou mais tarde obrigada a render-se às evidências. Esta reinvenção da televisão tradicional já vem sendo vista através da oferta de aplicações, e inclusive de serviços de streaming dos próprios canais, como é o caso da OPTO, plataforma de streaming da Sic, ou do TVI Player, do canal TVI, cujo objetivo é precisamente levar a televisão tradicional mais perto dos consumidores modernizando desta forma o setor.

Será que no futuro apenas teremos acesso aos programas da televisão através das suas plataformas de streaming? Será que as gerações futuras vão ver a televisão como os jovens atuais olham para as disquetes dos anos 90? Só o tempo o dirá.

minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory