Xiaomi planeia reciclar 38 mil toneladas de resíduos eletrónicos até 2026

A Xiaomi deu a conhecer o seu primeiro relatório sobre Ação Climática, onde a marca detalha as diversas formas como está a trabalhar para mitigar as mudanças climáticas.

Entre diversas outras informações, a Xiaomi partilhou que pretende reciclar 38 mil toneladas de resíduos eletrónicos entre 2022 e 2026 além de se comprometer a atingir a neutralidade de carbono até 2040 nas suas atividades comerciais existentes.

Alain Lam Speech xiaomi
Publicidade

Xiaomi planeia um futuro mais sustentável para a empresa

Alain Lam Sai-wai, Vice-Presidente e Diretor Financeiro da Xiaomi, lançou o relatório durante a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2023 (COP28), a cimeira climática mais proeminente do ano. Este é o primeiro relatório sobre Ação Climática que a empresa lançou até ao momento.

“A Xiaomi foi sempre impulsionada pela inovação tecnológica e a nossa abordagem na transição para carbono zero não é diferente. A nossa busca incansável pela inovação tecnológica está no cerne da transformação verde da empresa. Através da inovação tecnológica, continuamos a melhorar a eficiência dos nossos produtos e a promover a sustentabilidade ao longo do ciclo de vida do produto, contribuindo assim para a realização dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ODS da ONU) e assumindo a nossa responsabilidade pelo planeta Terra”.

Alain Lam Sai-wai, Vice-Presidente e Diretor Financeiro da Xiaomi
xiaomi pad 6 tablet

O documento em questão, detalha a Filosofia de Carbono Zero da Xiaomi, incluindo a utilização de IA capacitada para a AIoT de forma a criar tanto produtos como cadeias de abastecimento sustentáveis. O objetivo da empresa é facilitar uma transição para carbono zero para as indústrias e a sociedade em geral.

O caminho da Xiaomi para emissões líquidas zero está alinhado com as Diretrizes ISO Net Zero, uma ferramenta amplamente adotada por decisores políticos que procuram conseguir emissões líquidas zero de gases de efeito estufa. A empresa compromete-se a atingir a neutralidade de carbono até 2040 nas suas atividades comerciais existentes.

A Xiaomi está a descarbonizar as suas operações, melhorando a eficiência energética e implementando práticas de fabrico inteligentes. A empresa também incentiva os seus parceiros a estabelecer metas climáticas que estejam alinhadas com o compromisso de neutralidade de carbono. Isso envolve a transição para fontes de energia renovável e o aprimoramento da utilização de materiais, taxas de reciclagem e reutilização. A gigante chinesa compromete-se com transparência, responsabilidade e auditorias regulares para garantir o progresso na descarbonização.

xiaomi logo

A Filosofia de Carbono Zero da Xiaomi fez com que a empresa torna-se os seus produtos e serviços mais eficientes, económicos e ecologicamente limpos. A empresa também utiliza tecnologia de inteligência artificial na fabricação para aumentar a eficiência e a inovação. A IA permite que a Xiaomi ofereça aos consumidores escolhas de estilo de vida mais sustentáveis. Por exemplo, a Xiaomi está a ajudar a reduzir as emissões de gases de efeito estufa domésticos e o consumo de energia através de soluções para casas inteligentes.

A plataforma AIoT da Xiaomi permite aos utilizadores monitorizar mais facilmente o consumo de eletricidade e gerir a energia de forma mais eficiente. A empresa oferece ainda dispositivos wearable e de mobilidade para proporcionar aos utilizadores uma experiência de alta qualidade com baixo teor de carbono.

O recém-anunciado ecossistema inteligente “Human x Car x Home” da empresa integra mais de 200 categorias de produtos, conecta 820 milhões de dispositivos e abrange mais de 95% dos cenários de utilização, para proporcionar o desempenho máximo dos dispositivos do ecossistema através de um único sistema integrado.

hyperos xiaomi

O Xiaomi HyperOS está definido para minimizar a redundância do sistema, melhorar a eficiência energética, reduzir os resíduos eletrónicos e promover os objetivos globais de consumo sustentável.

Além disso, a Xiaomi está a intensificar os esforços para promover um modelo de negócios circular. A empresa lançou uma série de iniciativas globais de sustentabilidade, incluindo a definição de metas de emissões líquidas zero, a adesão à iniciativa GE100%, a expansão de programas de reciclagem de resíduos eletrónicos e o aumento do uso de energia renovável. Entre 2022 e 2026, a Xiaomi planeia reciclar 38.000 toneladas de resíduos eletrónicos e investir em diversos projetos de energia renovável.

minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory