Instagram vai começar a testar novo design para upload de fotos verticais em 9:16

A luta do Instagram para não perder terreno para o TikTok está a levar a empresa a diversas mudanças no aspeto da rede social. Depois do maior foco na funcionalidade Reels, a rede social vai agora começar a testar um novo formato de upload de fotografias verticais em 9:16.

Desta forma, as fotografias verticais no Instagram vão passar a ocupar o ecrã dos equipamentos na integra como acontece quando vemos um storie ou um Reels.

instagram like neon lights
Publicidade

Instagram vai iniciar os testes nas próximas semanas

A confirmação destes testes veio por parte do CEO Adam Mosseri que indiciou o início dos testes das fotografias ultra-altas 9:16 “daqui a uma ou duas semanas”.

Segundo Mosseri, “podemos ter vídeos altos, mas não podemos ter fotos altas no Instagram”, e a partir deste pensamento a empresa decidiu que “devemos tratar ambos de forma igual”. Atualmente as fotografias atingem um formato máximo de 4:5 quando se trata do formato vertical.

instagram

O próximo passo do Instagram é introduzir o formato 9:16 de forma a que seja possível fazer o upload de fotografias mais altas e mais finas que consigam ocupar o ecrã inteiro de um smartphone enquanto fazemos scroll pelo feed.

Alguns fotógrafos já haviam criticado algumas das ideias de design do Instagram, pois sentem que as alterações para deixar a rede social mais parecida ao TikTok estão a prejudicar aqueles que utilizam a plataforma para divulgar o trabalho fotográfico. Thomas Fitzgerald criou uma publicação no seu blog onde critica o formato 9:16 pois leva a que o seu trabalho fique estranho com as novas mudanças.

Instagram changes

Os testes iniciais para implementar o formato 9:16 não foram muito bem vistos pela maioria dos utilizadores, especialmente aqueles que utilizam o Instagram maioritariamente para a divulgação de fotografias e não de vídeos. As alterações implementadas foram de tal forma prejudiciais para o trabalho de alguns utilizadores que estes passaram a utilizar menos tempo a aplicação.

“Acho que temos de dar um grande passo atrás, reunir e perceber como queremos avançar com esta ideia”, explica Mosseri. Também as sugestões de conteúdo vão ser reduzidas até que o algoritmo seja ajustado para conseguir oferecer conteúdo selecionado que cada utilizador realmente possa gostar de ver.

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory