INCoDe.2030 realiza levantamento nacional de iniciativas de capacitação digital

A INCoDe.2030 está a fazer um levantamento para das iniciativas de formação e capacitação digital a nível nacional.

Fique a conhecer os resultados do teste piloto realizado na região de Aveiro.

cibersegurança segurança online pc mulher
Publicidade

INCoDe.2030 procura identificar iniciativas de formação e capacitação digital a nível nacional

O INCoDe.2030, Iniciativa Nacional de Competências Digitais e.2030, está a realizar um levantamento de iniciativas de capacitação digital, a nível nacional, com o apoio da Deloitte.

Este levantamento tem como objetivo centralizar, na Plataforma Digital Skills and Jobs, toda a informação relacionada com iniciativas de formação e capacitação digital a nível nacional, para que cidadãos e cidadãs, empresas, administração pública central e local e terceiro setor possam identificar as oportunidades de formação e desenvolver as mais adequadas às suas necessidades.

A região de Aveiro foi alvo do projeto-piloto, e os resultados foram apresentados no âmbito do Roteiro INCoDe.2030 – Capacitação Digital, que decorreu na passada quinta-feira, dia 26 de janeiro, na Universidade de Aveiro.

Hacker PC Virus Ataque Ransomware INCoDe.2030

Até ao final do ano, vão ser recolhidos dados em todas as regiões e divulgados os resultados do projeto na Plataforma Digital Skills and Jobs neste site.

Os resultados do piloto em Aveiro mostram que entidades públicas, privadas e do terceiro setor da região irão promover mais de 100 iniciativas de capacitação digital, e que 59 das iniciativas vão ser dirigidas a trabalhadores e 14 a empresas, e irão apostar em temas como a proteção de dados, a cibersegurança ou a linguagem de programação. As ações e formações criadas serão, na grande maioria das vezes (78%), gratuitas.

Entre as 13 entidades promotoras destas iniciativas contam-se nove do setor privado e três do público. O estudo, disponível em anexo, destaca ações que serão promovidas por entidades como a AEVA (Associação para a Educação e Valorização da Região de Aveiro), a UNAVE (Associação para a Formação Profissional e Investigação da Universidade de Aveiro), a Inova-Ria (Associação de Empresas para uma Rede de Inovação em Aveiro) ou a Câmara de Comércio e Indústria do Distrito de Aveiro (AIDA CCI).

Portugal está ligeiramente acima da média europeia no que toca à utilização da internet, mas cerca de 15% da nossa população ainda não está online e apenas 29% dos portugueses e portuguesas têm competências digitais acima do nível básico. Há, por isso, um caminho a percorrer. O que este piloto nos mostra é que a região de Aveiro está a fazer esse percurso a bom ritmo, com uma oferta muito satisfatória de ações que devem ser mais divulgadas junto da população, de forma a diminuir o número de pessoas que ainda não têm estas competências. O trabalho feito nesta região vai servir de exemplo para um levantamento mais alargado de projetos como estes em todo o território nacional

Luisa Ribeiro Lopes, Coordenadora-Geral do INCoDe.2030.
minibanner thunderx3

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory