Honor V40 irá integrar Mediatek Dimensity 1000+, marcando o adeus aos Kirin

Depois de vários meses de grandes dificuldades devido às restrições de Trump, a Huawei decidiu vender a Honor a um grupo de empresas chinesas.

Com esta venda, a Honor tornou-se independente e passou a ter a possibilidade de escolher o seu próprio hardware para modelos futuros.

Com o Honor V40 prestes a ser lançado, tudo aponta para que a escolha do processador recaia no Mediatek Dimensity 1000+.

Honor V40 marca a adoção dos processadores Mediatek na marca chinesa

Com a sua venda, a Honor passou a seguir um caminho distinto da Huawei, passando a escolher os seus próximos passos.

Com o Honor V40 a aguardar a apresentação em dezembro, rumores indicam que este novo flagship irá incorporar o Mediatek Dimensity 1000+.

Até agora os planos indicavam que este smartphone iriam usar o Kirin 9000, o novo processador da Huawei, mas o curto stock que a marca chinesa detém deverá ser reservado para a série Mate 40 e, talvez, no Huawei P50.

honor v40
Publicidade

Desta forma, a Honor foi obrigada a repensar este componente, podendo ter optado pela opção da Mediatek.

Uma das dúvidas que ainda reside neste novo modelo é o sistema operativo que irá integrar este equipamento. Os planos iniciais apontavam para o uso do HarmonyOS, algo que ainda não se sabe se a Honor irá manter.

Siga o Techbit no Facebook

Partilhe este artigo

Deixe um comentário

Publicidade