Problemas nas urgências são o motivo principal das reclamações dos utentes

As unidades de saúde sofreram bastante no decorrer deste ano com as queixas recebidas por parte dos utentes. O serviço de urgências foi o motivo principal para as reclamações apresentadas no Portal da Queixa.

Desde o início do ano existiram mais de 2200 reclamações dirigidas às entidades de saúde públicas, sendo que mais de metade foram dirigidas aos hospitais e 65% das reclamações são direcionadas aos serviços de urgências.

saude health
Publicidade

Esperas nas urgências chegaram a superar as 12 horas

Desde o começo de 2022 os utentes já apresentaram mais de 2200 reclamações dirigidas às unidades de saúde públicas, sendo a grande maioria direcionada aos hospitais devido a diversos constrangimentos no serviço de urgências.

Segundo os dados avançados pelo Portal da Queixa, o Hospital Beatriz Ângelo é a unidade hospitalar mais reclamada na plataforma.

O inicio dos constrangimentos maiores foi a meio do ano, nas urgências de ginecologia e obstetrícia, que se estenderam nos últimos meses às urgências hospitalares que atingiram o tempo de espera superior a 12 horas.

image 39 urgências

O Portal da Queixa apurou, após uma análise das reclamações efetuadas pelos utentes, quais seriam as unidades hospitalares com maior número de problemas.

Entre os dias 01 de janeiro e 13 de dezembro de 2022, chegaram ao Portal da Queixa 2.202 reclamações relacionadas com os serviços de saúde públicos. Verifica-se que 1.312 reclamações, (65%) são dirigidas aos hospitais, sendo o principal motivo de queixa reportado pelos consumidores: os vários constrangimentos nas urgências hospitalares (adultos e pediatria) e maternidades.

Entre as reclamações relacionadas com os serviços de urgência, as queixas vão desde as horas intermináveis na sala de espera (média a ultrapassar as 12 horas), a incapacidade de o hospital responder a casos urgentes, o mau atendimento, a falta de condições para receber tantos utentes e dificuldades pelo fecho inesperado das urgências hospitalares.

hospital medico urgencias health saude

A análise efetuada permitiu identificar qual o Top 5 dos hospitais que acolhem maior número de reclamações figuram: o Hospital Beatriz Ângelo (90 queixas); Hospital de Braga (58); Hospital de Santa Maria – Lisboa (53); Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (46) e Hospital de Faro (33).

As reclamações dos utentes

Oana é uma das utentes que denuncia a longa espera e o mau atendimento na urgência pediátrica do Hospital Beatriz Ângelo. Na reclamação, é possível ler-se que considera “uma falta de respeito estar à espera com um bebé de 4 messes há mais que 3 horas, dizendo-me que 40 de febre não é grave.”

hospital medico urgencias health saude

A longa espera na urgência do Hospital de Braga também foi um dos motivos exposto na reclamação registada por Ana Fernandes. A utente indica que deu “entrada nas urgências do Hospital de Braga às 23h18, tendo sido chamada pela primeira vez já depois das 9h00 da manhã.”

Na reclamação dirigida ao Hospital de Santa Maria (Lisboa), Ana também se queixa da demora no atendimento, relatando que terá passado o fim do dia e a noite inteira no hospital. “Estive na urgência desde as 16h até as 8h30 da manhã”.

hospital medico urgencias health saude

“O meu avô António Correia (85 anos) deu entrada nas urgências de ambulância no Hospital dos Covões, em Coimbra, com covid-19, passou duas noites lá sentado numa cadeira de rodas, sem banho, sem uma muda de roupa, nada.”, descreve Joana Correia na queixa.

nordvpn black friday campanha

Partilhe este artigo

Techbit
RECEBA AS PRINCIPAIS NOTÍCIAS TECNOLÓGICAS NO SEU EMAIL
Invalid email address
Prometemos não fazer spam e enviar apenas os conteúdos essenciais

Deixe um comentário

Publicidade
Blogarama - Blog Directory